Valdi Ercolani no programa “Grandes nomes da propaganda”

Ex-diretor de arte da MPM-SP nos anos sessenta, Valdi contou os bastidores da fundação da MPM Propaganda, em 1957

Ex-diretor de arte da MPM-S.Paulo nos anos sessenta, Valdi Ercolani foi entrevistado por Raul Nogueira Filho, no programa “Grandes nomes da propaganda”, onde contou os bastidores da fundação da MPM Propaganda, em Porto Alegre, em 1957, quando Antônio Mafuz saiu da Sotel Publicidade e uniu-se a Petrônio Corrêa e Luiz Macedo, que eram, respectivamente, gerente e subgerente da Grant Advertising. Nos anos setenta e oitenta, a agência fundada à beira do rio Guaíba tornou-se a maior do Brasil, com agências completas em Porto Alegre, São Paulo, Rio, Brasília e Recife.

Ercolani, hoje um escritor de livros de autodescoberta, falou também sobre o lançamento do terceiro volume da saga do Inocêncio (“Inocêncio e o início da jornada”), recém-publicado pela Selene Editora, de São Paulo (www.seleneeditora.com.br).

E contou casos sobre a revolução criativa no Brasil, da qual participou ao lado de outros profissionais, como Alex Periscinoto, Sérgio Toni, Federico Spitale, Roberto Duailibi, José Leão de Carvalho, Enio Mainardi, Juvenal Azevedo, Antônio Torres, José Fontoura da Costa, Hector Rossano e outros mais.

É um programa indispensável para profissionais e estudiosos de comunicação, no canal MGM (68 da NET), neste domingo, dia 22 de abril, às 19h35.

Comentar este Artigo

Seu email não será publicado ou compartilhado. Campos necessários são marcados com *